Tomorrowland - atrações futuristas no Magic Kingdom




- Astro Orbiter

Apesar de estar exatamente no meio da Tomorrowland, essa atração passa despercebida por muitos turistas. Isso porque ela fica no alto do prédio. Quando olhamos de baixo, parece apenas mais um elemento da decoração dessa parte do parque.

Neste brinquedo você pilota a sua nave espacial. Não há restrição de tamanho, e vão duas pessoas em cada foguete. É como um carrossel de foguetes em meio a uma constelação brilhante de planetas em órbita. Gira devagar, mas é possível controlar a altura da nave em uma pequena alavanca.

- Buzz Lightyear's Space Ranger Spin

A melhor atração nesta área, na minha opinião. Geralmente, tem muita fila, mas vale a pena. Este brinquedo tem fastpass. São carrinhos para duas pessoas que imitam a nave do Buzz Lightyear. Nelas, temos duas armas de laser para derrotar Zurg. É uma batalha espacial.



O Zurg está roubando as baterias de brinquedos indefesos para criar uma nova arma de destruição. Temos que acertar com os nossos lasers as insígnias "Z" e os alvos. O carrinho gira 360º e encontramos alvos por todos os cantos mesmo!

Com cada "Z" que acertamos, ganhamos pontos. Quanto mais difíceis os alvos, mais pontos. Eles são computados automaticamente e na mesma hora aparecem no painel eletrônico do carrinho. No final da missão, somos classificados em um ranking do Comando Star. As piores pontuações são classificadas como "Space Cadet" e as melhores como "Galactic Hero".

- Monsters, Inc. Laugh Floor


Foto de divulgação do site da Disney
Esta atração só vale a pena se você dominar bem o inglês. É um show de stand-up comedy com os personagens do filme Monstros S.A.. O problema de usar aqueles tradutores que a Disney disponibiliza, é que algumas piadas perdem o sentido na tradução. Se eu fosse deixar um brinquedo dessa parte do Magic Kingdom de fora, seria esse.

- Space Mountain

Esta é a montanha-russa do Magic Kingdom. Para entrar, as crianças precisam ter mais de 1,12 m de altura. Também é uma nave-espacial, que cabe quatro pessoas. Ela super tranquila, não tem nenhum looping, nem nada. Mas é no escuro. É uma delícia! Talvez a melhor opção para ser a primeira montanha-russa da vida da criança.

- Stitch's Great Scape!

Morro de aflição desta atração! Não gosto, não gosto, não gosto. Mas sei que isso é coisa minha. Não gosto de tomar susto. Para entrar aqui, é preciso medir no mínimo 1,02 m. Isso porque é a altura mínima para aproveitar todos os itens da atração, que é multi-sensorial - os efeitos especiais são na visão, olfato, audição.

Foto de divulgação do site da Disney
Inspirado no início do filme Lilo & Stitch, Stitch consegue se soltar na sala de experimentos. Sentamos em um círculo e o Stitch aparece no centro, em uma câmara de segurança. Quando o "Experiment 626" consegue escapar, as luzes se apagam e começa a brincadeira. Escutamos barulhos como se ele estivesse ao nosso lado, sentimos como se ele nos tocasse, o cheiro dele e tudo mais. Minha família acha graça, mas eu tomo susto e não gosto.

- Tomorrowland Speedway

A fila deste brinquedo geralmente é enooorme. É uma pista de corrida e dirigimos carrinhos em um trilhozinho. Na verdade só controlamos mesmo a velocidade. É legal, os meninos ficam loucos com a possibilidade de ser um piloto de corrida. Mas é preciso medir pelo menos 81 cm para entrar.


- Tomorrowland Transit Authority PeopleMover

Esta atração quase nunca tem filas. É um passeio que dura cerca de 10 minutos, no entorno da Tomorrowland e dentro das atrações. Passamos nos bastidores do brinquedo do Buzz Lightyear, da
Space Mountain, e uma loja do parque. No caminho, ficam expostos os primeiros modelos de arquitetura de parque temático Epcot e da Space Mountain.

Sem motor, o Tomorrowland Transit Authority PeopleMover acelera magneticamente.

- Walt Disney's Carousel of Progress

Esse brinquedo tem uma música que fica na cabeça para sempre! E está desatualizado. Ainda assim, eu gosto de ir. É um teatro giratório que passeia pela evolução tecnológica nas nossas casas. Começa em uma casa sem energia, sem geladeira, até chegar em uma casa com jogos de realidade virtual. Tudo com robôs e efeitos. Bobo, mas legal. Apesar de toda a história ser inglês, é fácil de entender com as imagens. Realmente não influencia. É uma atração clássica, que foi criada pelo próprio Walt Disney, em 1964.

0 comentários:

Copyright © 2012 Passaporte Pronto?. Copyright © 2012 Logo desenvolvida por Vitor Quinet.